festival-curitiba1x
start date 27/03/2000
map icon Curitiba-PR

2000

2000

2000

“O FTC , que aconteceu de 16 a 26 de março superou as expectativas dos organizadores e teve um público 30% maior que o registrado na edição do ano passado, com a presença de 80 mil pessoas”, era o que anunciava a Gazeta do Povo em 28 de março de 2000. Ao todo foram 130 peças. 

A 9ª edição ficou marcada pela estreia nacional do espetáculo “A Máquina”, adaptado do livro de Adriana Falcão e com direção de João Falcão. Com estrondoso sucesso, revelou os brilhantes atores Lázaro Ramos, Gustavo Lago, Wagner Moura, Karina Falcão, Felipe Koury e Vladimir Brichta. A peça trazia um tipo de encenação totalmente inovador e imediatamente ganhou o público e a crítica.Outro acontecimento memorável para a história do FTC foi a criação da Mostra dos Incluídos, estreando com a peça “Dédalus”, da Cia. Ueinzz. Mostrando que não há impedimentos para a arte,  subiram ao palco 27 ”não-atores” em tratamento egressos da Casa para o Desenvolvimento da Saúde Mental e Psicossocial de São Paulo, instituição marcada pela luta antimanicomial para mudar  as regras da psiquiatria clínica no Brasil. O singular elenco entrou em cena com o suporte de uma equipe de terapeutas e surpreendeu a todos com um verdadeiro espetáculo.
O monólogo “Anjo Duro” trazia de volta aos palcos depois de 25 anos a atriz Berta Zemel e a estreia profissional do diretor Luis Valcazara.

“Coro e Camarim – Uma Tragédia Rave”, de Gerald Thomas (escrito apenas uma semana antes da estreia, num método chamado action writing- no qual o universo do autor é subsídio para a dramaturgia); “Replay”, de Gabriel Villela, “Henrique IV”, direção de Antônio Guedes; “Apocalipse I e II”, do Teatro da Vertigem e  “Solitude”, de Denise Stoklos foram os principais espetáculos de 2000.
Entre os destaques do Fringe estavam “A Maçã de Eva”, de Clarisse Abujamra e “A Vida É Cheia de Som e Fúria”, com a Sutil Companhia de Teatro e direção de Felipe Hirsch.

Continuando com a tradição de inovar em espaços cênicos e ocupar diversos lugares da cidade,  o terraço do Memorial de Curitiba foi usado como palco para a peça participante do Fringe, ” O Lobo e a Lua”, (interpretada por Sônia Morena, Rosângela Craveiro e Valdir Fagundes) enquanto “Apocalipse 1,11” foi encenada além de Curitiba, na Penitenciária de Piraquara. Pela primeira vez o Canal da Música recebia o FTC, dando espaço para a peça “Pelo Buraco da Fechadura”, dirigida por Teresa Sequerra e Raquel Rocha. 

Pela primeira vez acontecia a Mostra de Teatro dos Excluídos e também a Feira de Artes com expositores de livros, figurinos, adereços, equipamentos de luz e som destinados ao teatro.

Idiotas que falam outras línguas Atriz Ana Paula Bouzas, Marcelo Praddo e Andrea Elia
Apocalipse 1,11 Autor Fernando Bonassi +TEXTO
Anjo Duro Diretor Luís Valcazarra Atriz Bertha Zemel (Díptico)
Os Incendiários Atriz Lala Schneider
Coro e Camarim Atores Muriel Matalon, Bruce Gomlevsky, Fabiana Gugli e Camila Morgado

Espetáculo internacional

“Caesar”, co-produção de cias de teatro da Croácia, Eslovênia e Macedônia. Texto de W. Shakespeare, direção de Branko Brezovec, com Niko Gorsic, Galliano Pahor, Krste Jovanovski, Sefedin Nuredini, Petar Mircevski, Goran Ilic, Olga Grad e Nina Violic.

Depoimentos: A TV Educativa do Paraná apresenta no Canal da Música trechos de debates e palestras com alguns dos mais renomados artistas, diretores e dramaturgos que já participaram do Festival de Teatro de Curitiba.

Curiosidades

A agência de publicidade Master conquistou o Grand Prix de Mídia Exterior no 22º Festival Brasileiro de Propaganda – Associação Brasileira de Propaganda com a campanha ‘Emoção ao Vivo’, uma série de três outdoors criados para o 9º Festival de Teatro de Curitiba.

Espetáculo de abertura

“Kronos”, Cia. Intrépida Trupe.

21 estreias

Espetáculo internacional

“Caesar”, co-produção de cias de teatro da Croácia, Eslovênia e Macedônia. Texto de W. Shakespeare, direção de Branko Brezovec, com Niko Gorsic, Galliano Pahor, Krste Jovanovski, Sefedin Nuredini, Petar Mircevski, Goran Ilic, Olga Grad e Nina Violic.

Espetáculos Mostra

21:

  • “Henrique IV”, direção de Antonio Guedes, com Cláudia Ventura
  • “Kronos”, direção de Beth Martins, Cláudio Baltar e Vanda Jacques, com Intrépida Trupe
  • ”Vozes Dissonantes”, direção e atuação Denise Stoklos
  • “Ricardo III”, direção de Yara de Novaes, com Ana Prado e elenco
  • “Bonitinha Mais Ordinária”, direção de Moacyr Góes
  • “Replay”, direção de Gabriel Villela, com Luiza Thomé e elenco
  • “Coro e Camarim – Uma Tragédia Rave”, de Gerald Thomas, Cia. Ópera Seca
  • “Auto das Águas”, direção de Ana Achcar, com Danielle Barros e Beatriz Sayad
  • “Happy End”, direção de Marco Antônio Rodrigues, Folias D’Arte e Tapa
  • “Anjo Duro”, direção de Luiz Valcazaras
  • “Play”, direção de Felipe Hirsch
  • “Mingau de Concreto”, direção Lino Rojas
  • “A Máquina”, direção de João Falcão, com Lázaro Ramos, Wagner Moura e elenco
  • “Apocalipse 1,11”, de Antônio Araújo/
  • “Solitude”, de Denise Stoklos
  • “Caesar”, co-produção de cias de teatro da Croácia, Eslovênia e Macedônia
  • “Crimes Delicados”, direção de de Antônio Abujamra, com Nicette Brunoe Paulo Goulart

Mostra Infantil:

  • “Picadeiro da História”, direção de Renato Carrera
  • “A Flauta Mágica”, direção de Daniel Herz e Susana Krugger
  • “Andarilhos do Repente”, direção e texto de Gabriel Guimard

Fringe

46: “A Maçã de Eva”, escrito pelo casal de dramaturgos italianos Dario Fo e Franca Rame é interpretado pela atriz e bailarina Clarisse Abujamra, com direção de Ivan Feijó/ “B…Em Cadeira de Rodas”, direção de Maurício Vogue/ “Espaço de Olga”/ “Pequenos Trabalhos Para Velhos Palhaços”, direção de André Paes Leme.

Lançamentos de livros

Manhã de Autógrafos: “Chico Buarque Para Todos”, Regina Zappa/ “Anti Tratado de Cenografia”, Gianni Ratto/ “Vissi d’Arte”, Flávio de Souza e Marília Pêra/ “A Boa”, Aimar Labaki/ “Desenvolver-se com Arte”, Hamilton Faria/ “Deus Somos Nós”, Tavinho Teixeira/ “A Máquina”, Adriana Falcão/ “O Teatro de Laerte Ortega”, Paulo Afonso/ “Formação de Plateia em Música”, Clarice Mello e Liana Justus/ Pré-lançamento: “Entreatos – Teatro em curitiba de 1981 a 1995”, Marta Moraes da Costa.

Exposições

Heiner Mueller, mostra documentária organizada pelo Instituto Goethe de Munique, com painéis de textos do dramaturgo alemão/ Fotografia – Troféu Gralha Azul/ Exposição Cenográfica – Teatralização de Histórias, de Márcio Inocente/ Figurinos: figurinos dos maiores espetáculos do apresentados pelo Teatro Guaíra.

Cinema

Bertolt Brecht: Mostra de filmes 16 mm de espetáculos do dramaturgo alemão.

Mostra de Vídeos

Produções sobre teatro do canal de TV Multishow, com bastidores e trechos de alguns dos melhores espetáculos apresentados no país.

Oficinas e cursos

“Corporeidade Oriental”, ministrante Alice K./ “Oficina de Contação de História”, ministrante Marco Aurélio Andrade Gonçalves/ “Curso de Acrobacia Solo”, ministrantes Luiz Borges e Mário Borges/ “O Jogo e a Dramaturgia Infernal”, ministrante Zeca Bittencourt/ “Ator Total”, ministrante Zeca Bittencourt/ “Vira Virou – Oficina de Teatro para Educadores”, ministrante Fátima Ortiz/ “Do Corpo para a Estória, da Estória para o Corpo”, ministrante Camila Fressato e Carolina Graton Santos/ “Oficina Máscara Teatral”, ministrante Simone Pontes/ “Oficina de Teatro de Teatro de Rua/ “O Espaço Cênico Tridimensional”, ministrante Luiz Roberto Meira/ “Iluminação de Palco”, ministrante Rodrigo Ziolkowski/ “Introdução à Cenografia”, ministrante, Márcio Inocente/ “O Teatro de Valle-Inclán”, ministrante Ivan Cabral/ “Musicalização Infantil – Curso de Extensão para Educadores da Pré-escola”, ministrante Rosy Greca/ “Mímica Corporal Dramática”, ministrante George Mascarenhas e Nadja Turenko e “Criação de Esquetes através da Improvisação Teatral”, ministrante George Sada.

Executive XpeedStudio LLC

Sr. Engineer XpeedStudio LLC

Product Lead XpeedStudio LLC

Compartilhe nas redes sociais

  • Data: 27/03/2000
  • Local: Curitiba-PR
Entre os dias 29 de março e 10 de abril, você tem um encontro com a arte, os palcos, a vida!

Menu

Entre os dias 29 de março e 10 de abril, você tem um encontro com a arte, os palcos, a vida!