festival-curitiba1x
Conexão e oportunidades: conheça a CACO, a plataforma do teatro

Plataforma CACO é lançada no Festival de Curitiba com o objetivo de conectar profissionais do setor cultural

O setor cultural agora tem uma plataforma digital própria: a CACO, que acaba de ser lançada no Festival de Curitiba. O objetivo da ferramenta é conectar profissionais da área e ser um espaço para divulgação de trabalhos, observação das tendências do teatro e novas oportunidades.

Plataforma Caco é lançada no Festival de Curitiba

A CACO é a primeira plataforma digital voltada ao segmento cultural com foco no teatro e movimentará a cena em todo país ao aproximar profissionais.

A plataforma, lançada durante o Festival, se inicia como uma rede para conectar pessoas do setor e, com tempo, oferecerá novas soluções, como a realização de cursos e oferta de conteúdo específico. Em um terceiro estágio, a CACO abrangerá o público final – os espectadores – e será também um guia cultural e local para compra de ingressos, entre outras funcionalidades.

Rafael Pedroso, da Hero99, e Fabíula Passini, do Festival de Curitiba durante o lançamento da plataforma, neste sábado

Com o tempo, a CACO terá mapeamento de salas de teatro, grupos existentes em determinado local, profissionais de cada segmento (atores, iluminadores, sonorizadores, contrarregras, por exemplo), e conectará pessoas e locais.

A partir da CACO, pretende-se criar uma teia de profissionais e espaços e estimular a economia criativa, inicialmente, do mundo do teatro.

De acordo com Leandro Knopfholz, criador e um dos diretores do Festival de Curitiba, a tecnologia possibilitou a criação de uma plataforma que, além de aproximar os profissionais, também pode gerar trabalhos, negócios e conhecimento para quem estiver dentro da rede. “A Plataforma tem um viés econômico muito forte. Queremos que se torne uma mina de recursos de teatro e beneficie a todos os envolvidos na área. As companhias se beneficiarão da plataforma e poderão utilizá-la como uma espécie de depósito virtual do seu repertório”, exemplifica Leandro. “Uma companhia montará uma determinada peça – Romeu e Julieta – por exemplo. Através da CACO, buscará cenários e figurinos com outras companhias que têm esse material disponível e poderá alugar. O custo será menor e o trabalho será mais prático”, completa.

Para incentivar o uso da rede CACO terá embaixadores nos principais centros culturais do país. E com os profissionais ligados na CACO, será possível conectar pessoas e espaços, conforme Fabíula Passini, diretora do festival e organizadora do projeto. “Quando a companhia tiver um espetáculo que circulará pelo país, através da plataforma, poderá se conectar às salas de teatro de Norte a Sul e contratar produtores e fornecedores de todos os cantos e fazer as mais diversas conexões”, explica.

 

Por que CACO?

CACO é um termo do mundo do teatro utilizado quando uma fala é improvisada, seja no texto ou na cena. Também pode ser a fala inexistente no texto da peça, mas que o ator introduz no desenrolar da cena, de forma cômica ou não. O nome foi escolhido depois de diversas entrevistas e pesquisas qualitativas com profissionais do setor cultural.

 

Tecnologia

Criada do zero, a plataforma nasceu do objetivo da empresa PARNAXX, realizadora do Festival de Curitiba, em oferecer soluções ao setor cultural. Em termos tecnológicos, a empresa escolhida como parceira foi HERO99, de Curitiba. A HERO99 fez uma imersão pelo mundo do teatro e a partir da observação do segmento e diversas entrevistas com profissionais da área, empregou tecnologia de ponta para tornar viáveis as ideias e os anseios do setor.

O desenvolvimento da CACO envolveu mais de 50 pessoas. Na parte de tecnologia, o foco foi em design e em como criar uma boa experiência para o usuário. Como a CACO foi lançado em versão BETA, Carine Hattge, a Product Owner da Hero99, diz que será uma oportunidade de os usuários proporem melhorias para a versão definitiva, programada para junho. “Vamos abrir espaço para que as pessoas conversem conosco e nos digam o que pode ser melhorado”.

A performance também é uma prioridade da CACO, de modo que a HERO99 monitorará o crescimento no número de usuários, empregando as ações necessárias para que a navegação aconteça sempre de maneira fluída.

Carine garante que a plataforma trará benefícios para o setor cultural. “A cultura é formada por várias artes fundamentais para a formação do indivíduo – então é uma missão nobre que está dentro dos nossos valores. E essa plataforma estimulará o setor cultural e trará ganhos para quem é da área ao fomentar novos negócios. O objetivo é que os artistas consigam viver da arte e não precisem ter um segundo trabalho, o que é o caso da maioria das pessoas dessa área”, afirma.

Onde está a CACO

A plataforma terá tanto a versão web www.caco.com.br quanto aplicativo para smartphones. A plataforma CACO está disponível no Google Play, Apple Store e outras lojas digitais.

NULL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Posts relacionados

Entre os dias 29 de março e 10 de abril, você tem um encontro com a arte, os palcos, a vida!

Menu

Entre os dias 29 de março e 10 de abril, você tem um encontro com a arte, os palcos, a vida!